domingo, 30 de dezembro de 2012

Moreirense - Benfica (Taça da Liga)


- Pior que ver o Benfica jogar mal, é ver/ouvir uma transmissão na TVI. Que comentadores são aqueles? Como disse o meu amigo M. a respeito dos gajos, "a capacidade de análise, a pertinência do comentário e o português deles, ainda estão de férias..."

- Já agora. Que resolução é aquela que os gajos usam nas suas transmissões, 240p? Um "must" para o youtube.

- E o Benfica? O que foi aquilo? Agora compreendo os Sportinguistas, quando vêem o seu clube jogar mal e empatar com clubes que jogam pior ainda.

- Não vou falar das individualidades do Benfica hoje. Não falo porque não sei por onde começar. Aliás, ainda tenho dúvidas que elas tenham jogado.

- O G. Redes do Moreirense cantou de galo cedo demais, não foi? Aquela cara de parvo após defender o primeiro penalti, estava mesmo a pedir um segundo penalti. E não é que lhe fizeram a vontade, e voltaram a enviar para o lado que ele pediu. 

- Penso que não restam dúvidas da justiça dos penaltis. No primeiro o Ricardo rola sobre o Lima, nada apontar. No segundo confesso que de inicio não percebi, mas a repetição não deixa dúvidas. É um penalti estúpido, que disso não restem dúvidas, mas é penalti. O jogador do Moreirense, não só puxa o Cardozo, como ao mesmo tempo faz o movimento inverso com o pé e rasteira-o. Eu acho que eles dão um nome técnico àquilo no judo. Alguém me ajuda?

- Agora em casa, carimbamos a passagem. Assim o espero.

sábado, 29 de dezembro de 2012

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Cabelo para jogar num Benfica, qualidade futebolistica para um Sporting

Se tivesse de me definir enquanto jogador nas camadas jovens em poucas palavras, penso que escolheria as do titulo. Uns dirão que sou um abusado na minha própria definição enquanto jovem atleta, pois o cabelo não seria assim tão... extraordinário, outros dirão que sou louco, só de pensar que tinha apenas qualidade para jogar num Sporting. Aos primeiros só digo, estão errados, o cabelo é magnifico. Aos segundos dou o beneficio da dúvida. Aliás, confirmo, a razão é bem capaz de estar do vosso lado.

Durante muito tempo olhava para as minhas fotos de infância (teenager) com vergonha. Não era vergonha de quem fui, nada disso. Era aquela vergonha normal de quem olha e pensa, Jasus, usava-se aquilo assim naquela altura?!?! Hoje, mais concretamente depois do inicio da época passada, comecei a olhar para aquelas fotos com orgulho. Não digo todas as fotos, mas pelo menos aquelas em que usava uma camisola listada de preto e branco. Obviamente que numa foto em família com uma camisa abotoada até ao pescoço - e sim, usava-se naquela altura - pareço um parolo, mas numa foto com aquela camisola listada, calções pretos, meia preta e umas chuteiras nos pés, o orgulho invade-me a alma, e na cara rasga-se-me um sorriso de orelha a orelha. Eu naquelas fotos, mais que qualquer tecnicista, sou "o" craque.

Lembro-me que jogava a trinco, e mais tarde a defesa central. Nunca fui grande jogador, mas cumpria. Não sei se por isso, se por ser bom rapaz, ou mesmo por falta de alternativas, era titular numa equipa de jovens promessas. Curiosamente nenhum de nós como promessa futebolística. Talvez o nosso "pulga", que me mostrou a foto em baixo (FaceBook), mais novo que eu 3 anos, tivesse alguma qualidade "extra", o que fez com que enquanto estudante universitário, jogasse no Futebol Benfica, e mais tarde na primeira divisão angolana de futsal, onde foi campeão nacional, e onde chegou a perder com o meu Benfica (4-2 ou coisa parecida). Eu podia não ter essa qualidade "extra", podia não ser um craque "futebolisticamente" falando, mas tinha pinta para as fotos. Lembro-me de certo jogo, quando já jogava a central, de ao intervalo, o treinador se virar para os colegas (trinco e outro central) e dizer para estarem atentos às minhas progressões com bola no terreno. Curiosamente não me proibiu de subir, isso deve querer dizer alguma coisa. Hoje que penso nisso acho piada e imagino novamente o momento na minha cabeça. Eu se calhar era assim... uma espécie David Luiz mas com "um pouquinho" menos qualidade. Mas quando posava para a foto... ui... na foto eu era um Witsel ou um Aimar, e é isso que me enche de orgulho.


(Clicar para ampliar e descobrir onde está o Wally)

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Dê nome ao palhaço

09/12/2012
"Vieira teve medo"
"Não é que tenha prazer em falar com ele (Vieira), mas ele é que não me atendeu"

17/12/2012
"Não liguei a Vieira para não ter de ouvir um não, mandei um SMS"

Descubra as diferenças, e dê nome ao palhaço. 

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Um Guião com cheiro a mofo



É um filme muitas vezes repetido. 

1º - Aparece nas capas do jornais desportivos o interesse do Benfica em determinado jogador;

2º - O pai/empresário/jogador dizem-se muito lisonjeados com o interesse de um clube como o Benfica;

3º - O Porto aproxima-se e ganha vantagem na corrida pelo jogador pretendido pelo Benfica;

4º - Jogador pretendido anteriormente pelo Benfica assina contrato com o Porto.


Já não escandaliza ninguém, e nós Benfiquistas já aprendemos a viver com isto. Começa a ser cada vez menos importante para nós este tipo de "assalto" do Porto, ou melhor, do PdC. Aliás, o Porto não tem uma identidade institucional, o Porto é o PdC, e nem os Portistas se importam com isso. É fácil então de perceber que a identidade do Porto passe muito por este tipo de filmes. Cabe a nós Benfiquistas não alimentar este tipo de películas. Até porque nunca sabemos se é uma história verídica ou ficção. Eu da minha parte já aprendi a não ligar às pseudo-contratações estampadas nos jornais. Limito-me a esperar por aqueles que assinam. Tudo o resto é parte de um guião do qual me recuso a seguir. 

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Sporting na Orangina, bom ou mau para os Benfiquistas?

Ontem li um comentário aqui no tasco, de uma adepta do Sporting, que não conseguia perceber o contentamento dos Benfiquistas numa possível descida de divisão por parte do Sporting. Mas existe uma explicação muito simples. Isto não é o Sporting. Este é um clube liderado por lagartos e não por verdadeiros Sportinguistas. Os Benfiquistas não querem, nem desejam o Sporting na Orangina, eles desejam, isso sim, um clube assaltado por lagartos nessa condição.

Há 1 ano atrás, aproximadamente, li um post no blogue REDPASS que hoje partilho, e que é de leitura obrigatória para todos os Sportinguistas. Pode ser que agora nos compreendam, e tenho a certeza, que todo o Verdadeiro Sportinguista, concordará com as palavras escritas naquele post. 

Desistentes...


Engraçado que ontem enquanto andava pela blogosfera desportiva, vi o nome deste blogue e a última vez que tinha feito uma publicação.
É bem verdade...


terça-feira, 11 de dezembro de 2012

A Sério Godinho?



Ai estamos Godinho? É que não parece mesmo mesmo mesmo nada isso.


Infelizmente não pude ver o jogo, tenho vida para além do futebol, principalmente neste ponto histórico do clube leonino. Claro que conseguia ouvir os berros de golo do outro lado da rua, a qual sabia perfeitamente a quem se dedicavam.

1-3 foi o resultado. Pelo que parece, tivemos a ganhar por uma bola até ao intervalo e depois na segunda parte fizemos o mesmo de sempre. Perdemos.
Esta "época de morte" (assim lhe chamo, porque sinto que já há muito que o meu Sporting morreu) é sem dúvida o consolo para todos os rivais grandes (sem incluir o Braga, visto que nunca ganhou um campeonato nacional) onde os adeptos tem as respostas todas afinadas e nós Sportinguistas as respostas esgotadas. Não temos por onde nos virar, sem ser a clássica resposta "AH MAS O BENFICA FICOU EM SEXTO EM 2000" é uma resposta que já cansa, que está a perder o valor e que sinceramente pela maneira que as coisas estão, será destronada por nós este ano.

Se tivéssemos ganho o jogo, as bocas provavelmente seriam "O Sporting ganhou ontem o seu campeonato!" ou " O Marquês encheu-se de adeptos leoninos a festejar a vitória do campeonato." mas acontecendo o previsto, fica alegria plena para os lampiões e a frustração para os tripeiros que ontem eram 110% Leões.

Desejo que Godinho fique até ao fim do campeonato, porque quem começou com a desgraça deve simplesmente acabar no meio dela. E tal como a Fénix, esta época de morte quando chegar ao fim, que renasça um novo Sporting deste degredo, com um novo presidente, um novo treinador, uma nova equipa...MAS O PAULINHO TEM QUE FICAR!

Saudações Leoninas para quem acompanha este Sportinguista solitário neste "Eternos Rivais" e que a manutenção seja o nosso objectivo principal.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Sporting - Benfica

(Grande TSF. Roubada ao Blog Gordo, Vai à Baliza)

- Apenas mais uma vitória contra uma equipa do meio da tabela. Nada para festejar com euforia. 3 pontos, e novamente colados ao FC Porto.

- O Jorge já irrita. Eu sei que é o Sporting que se encontra no meio da tabela, mas joga em casa, e um Derbi é um Derbi. Não podemos jogar no meio campo só com Matic e com 1 puto de 19 anos, muito bom diga-se, mas ainda com muito para aprender, principalmente a nível do passe, onde falha imenso. Só ganhamos porque foi contra o Sporting. Contra o Porto não podemos jogar assim, será derrota pela certa.

- A primeira substituição só aconteceu aos 81'. Alguém me sabe explicar porquê? Eu sozinho não chego lá.

- O André Gomes é craque, mas não pode falhar 50% dos passes.

- O Matic está feito um senhor jogador. Javi? Quem?

- O Olá João hoje esteve alguns furos abaixo.

- Porque é que o Gaitan não joga sempre com esta vontade. É verdade que entrou num momento em que o Sporting já tinha baixado os braços, mas mesmo assim é de louvar a sua entrada. Também ajuda a explicar porque acho que o Olá João esteve abaixo do seu normal.

- O Jardel intercala momentos em que é imperial, com momentos em que lhe pára o cérebro. Irritou-me tanto a forma como muita vez hesitou atacar a bola.

- Não sei porque o Salvio continua a titular. Uns joguinhos no banco só lhe faziam bem. Eu sei que no meio de tudo, lá de vez em quando tira uma grande jogada, mas este individualismo já cansa.

- Tacuara. Não precisa jogar, basta marcar.

- Lima. Contestei os 4.5M que demos por ele, hoje acho os milhões mais bem gastos da pré época. Não pára. Pena que com este sistema tenha de vir tanta vez atrás.

- SuperMaxi. Continua em baixo de forma.

- Portugueses. Não há muito tempo, os Sportinguistas criticavam os Benfiquistas por jogar sem Portugueses. Hoje, não só começamos com o mesmo número de Portugueses em campo, como acabamos com mais. Sim, é pela boca que o peixe morre.

- Cansaço. Não é físico o cansaço do Sporting. Do jogo de sexta, só 4 jogaram hoje. O Capel rebentou, mas esse mesmo sem jogar na sexta rebenta sempre a meio da segunda parte. O Bolo de Arroz é defesa central, onde o desgaste é sempre muito menor. O Insua não me pareceu cansado, foi dos melhores em campo, e dos que mais correu. O Rinaudo foi outro que aos 90' estava a fazer dobras ao Dier, não me pareceu cansado. E foram estes os jogadores que jogaram sexta, e para mais, num jogo a feijões. O Carrillo que não jogou sexta foi o primeiro a rebentar, e esse sim, fisicamente. Conclusão, tirando o Tacuara, os restantes jogadores do Benfica descansaram menos que 65% do 11 do Sporting.

- Ainda a polémica do jogo não adiado. Contra o Porto o Sporting jogou 72h após jogo Europeu, mas com a particularidade de ter ido à Hungria, o que é sempre mais desgastante. Com o Braga jogaram 70h após Europa, com o jogo europeu a ser jogado em Alvalade. Com o Benfica foi igual a Braga, jogaram 70h depois de jogo europeu em casa. De ressalvar que nos jogos com Porto e Braga, o jogo da Liga Europa contava para a continuidade na prova, e jogaram com os melhores. Sexta Feira era um jogo a feijões. Fica a particularidade.

- Agora pergunto eu. Dados os 2 pontos anteriores, qual a lógica que os Sportinguistas encontram para toda esta polémica? Porque raio contra Porto e Braga nem piaram e contra o Benfica foi o ridículo que se viu? Ah, é por ser o Benfica? Pois... 

- O Sporting merece tudo pelo que está a passar, e mais ainda.

- A boca do Presidente do Benfica é que era escusada. Se o Godinho mentiu, basta desmenti-lo. Mas chamar-lhe Vale & Azevedo é ir longe demais, e é colocar o nome do Vale ainda mais no lixo, o Homem não merece, foi o primeiro a dar a cara à luta contra o sistema.

- O Sporting já lançou algum comunicado no seu site? Sei lá, a exigir a repetição do jogo.

PS: Grande defesa do Alex Sandro, perdão, do Bolo de Arroz.

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Adeus Champions



- Um Barcelona B vs um Benfica (quase B). Era uma oportunidade única para vencer em Camp Nou. Foi-se.

- Um Jesus a jogar ao ataque. Nada a dizer contra um Barcelona B. Boa primeira parte, e obviamente que tem de ser dado mérito ao 11 escolhido. De referir que não teve culpa nos golos falhados.

- Uma segunda parte completamente diferente. Tirando os primeiros 10' desta segunda parte, fomos subjugados por alguns putos do Barcelona.

- Substituições desastrosas. Não me venham com tretas que falar depois de acabado o jogo é fácil. Estava na cara que não eram aquelas as substituições que o Benfica precisava. Na análise a alguns jogadores vão perceber porquê.

- Artur. Igual a si próprio. Bem sempre que foi chamado. Aquela saída ao Messi é de grande guarda-redes.

- Melga. Errou alguns passes, e pareceu-me nervoso todo o jogo, mas em especial na primeira parte.

- Luisão. Uma fifia que ia saindo cara, tirando esse lance, actuação positiva.

- SuperMaxi. Não é o jogador de outras épocas. Tem defendido muito mal. Não sei se repararam, mas nos sucessivos fora-jogo do Villa, era sempre o Maxi o último homem. Na segunda parte parecia um puto inexperiente, e depois ainda chateado por passarem constantemente por ele, começou a jogar "porco", é que intensidade é uma coisa, aquilo é outra.

- Matic. Não foi por ele que não passamos. Estou a gostar da sua evolução. Muita garra. No entanto é complicado jogar contra um tiki taka, mesmo quando praticado por miúdos.

- André Gomes. É novo, e por isso é natural que muitas vezes não perceba quando largar a bola, quando deve jogar rápido e quando deve pausar o jogo, pode ser que aprenda com o Aimar. Errou bastante no passe mais longo, sendo muito pouco preciso em muitas ocasiões, Mas neste particular os jovens do Barcelona foram parecidos. 

- Olá João. O melhor em campo, mas quebrou na segunda parte. Foi vertical no jogo, e foi muito por culpa dele e da acção de Matic que fomos superiores na primeira parte.

- Rodrigo. Não sei que se passa com o matador do inicio da época passada, mas precisa de um treinador que lhe explique, que a confiança se ganha jogando seguro, e não arriscando e perdendo a bola, e que dar 1 golo a marcar, vale tanto como marca-lo. Falta um treinador que lhe explique isso.

- Lima. Também esteve perdulário, à parte disso, realizou um bom jogo. Não deveria ter saído. 

- Nolito. Todos sabemos que é trapalhão e individualista, mas a meu ver compensa com a rapidez que reage à perda da bola. Fez uma boa primeira parte. 

- Gordo. Vai comer no orifício por onde expeles as fezes. Não deveria ter entrado. Quando entrou, em vez de sair o Nolito, tinha saído o Rodrigo, e entrado um homem para o meio campo. Talvez o Gaitan, todos sabemos como se comporta na Champions, e livre no meio, podia causar estragos.

- André Almeida. Deveria ter entrado mais cedo, mas não para o meio, para o lugar do Maxi.

- Cardozo. Digam que não aconteceu nada disto. O Benfica estava sem chegar à área do Barcelona praticamente toda a segunda parte, e metemos um gajo cuja função é pastelar na frente. Eu gosto do Cardozo, mas acho que o jogo não o pedia. Outra coisa, o Jorge limita-se a fazer as substituições e a dar informações tácticas onde eles se devem posicionar, tipo, num jogo destes não motiva os jogadores que entram? É que o Cardozo tinha a mesma motivação que eu tenho quando vou ao dentista. Doía olha-lo em campo.

Conclusão. O mestre da táctica não sabe ler o jogo do banco. Isto não é de hoje, é de sempre. Às vezes acerta, mas estou em crer que é palpite. Mestre da táctica? Hum, deve ser a jogar à batalha naval com a mulher, e mesmo assim acredito que seja com batota.

Um aparte para o outro jogo. Parabéns ao Celtic, que sem saber jogar futebol, e com meia dúzia de coxos, está nos 1/8 final. Que sirva para o Jorge engolir mais uns sapos. 

Segunda-Feira e não Sábado


Quase desligado do futebol, poderia eu talvez ser um pouco fantasioso e ridículo dizendo "Ei e aquela vitória sobre a Selecção do Algarve?Aquilo é que foi..." mas não.
Olho para o calendário desportivo e vejo que o próximo jogo para o campeonato será em casa contra os lampiões. Essa equipa "fantabulástica" que tem feito uma boa época sem derrota nenhuma...pelo menos até à próxima segunda (e não sábado como antes tinha escrito).

A claque põem faixas nas bancadas com palavras como "Metam a jogar a equipa B" e as altas entidades com sede de poder/Gestores desportivos antigos do clube ,vão laminando Godinho ás fatias até o presunto ficar unicamente no osso. Entretanto vai-se fazendo negócios com investidores (que devem estar extasiados com o clube), prepara-se um canal desportivo para o próximo ano (porque se o benfica tem, nós também temos que ter) e uma equipa leonina que vive invejosa de um Braga que se afirma o 3º maior clube de Portugal, vai andando pelo campeonato a ganhar um ponto em não sei quantos jogos e a envergonhar o nome Sporting Clube de Portugal pela Europa.

No entanto, que se eleve este clube maldito que me apoquenta a mim e a todos os Sportinguistas, e que sábado seja um ponto de viragem, começando por abater a Águia...o eterno rival.

Sem palavras...


terça-feira, 4 de dezembro de 2012

Europa



Eram, e para o efeito ainda são, 6 os clubes Portugueses na Europa do futebol. O Porto, que acaba de perder no país do Principezinho, precisamente no Parque dos Príncipes, era e é a única equipa com destino certo já marcado na Europa. Além do Porto, temos o Benfica com continuidade assegurada na Europa do futebol, ficando apenas por saber, se na Champions se na Liga Europa. Todos os outros 4 clubes, a saber, Braga na Champions, Sporting, Marítimo e Académica na Europa dos pequeninos, já se encontram, a uma jornada do fim, fora das competições Europeias. Tudo isto ajuda a explicar, a razão pela qual, um clube como o Benfica, com um péssimo planeamento na pré-época, consiga com um plantel tão desequilibrado, estar a par do Porto, em primeiro lugar da liga Zon Sagres.

Centremos-nos então, no único jogo com verdadeiro interesse para os Portugueses. Barcelona vs Benfica. À partida, é dado adquirido por todos que o Benfica perde em Camp Nou. Nada mais natural, e até eu, um Benfiquista doente, partilho da mesma opinião. Contudo, lá no fundo, mesmo lá em baixo, eu tenho uma réstia esperança de alcançar um resultado positivo. Quem gosta do seu clube como eu gosto do meu, compreende o que quero dizer com isto. Racionalmente não acredito, mas emocionalmente acho que vamos golear. O futebol é um jogo de emoções, logo...

O Braga. Nada me dá mais prazer do que ver o Porto B ficar pelo caminho, e logo com extra, nem à Europa dos pequeninos vai. Menos dinheirinho nos bolsos do Salvador, que assim espero que tenha de vender um Alan ou um Viana. Estou farto deste novo-rico.

O Marítimo. Subiu alguns pontos na minha consideração desde o litígio por aquele pino que o Porto usa nos treinos. Nunca um pino deu tanto que falar. Todo o clube que ameaça verdadeiramente o Porto merece o meu respeito. Além do mais é clube de ilha, e eu gosto de ilhas.

Para a Académica, o clube por quem nutro mais simpatia, exceptuando o Benfica, merece uma palavra de Parabéns. Ficam pelo caminho, mas vi algumas partes dos seus jogos na Liga Europa, e posso dizer que deram boa réplica no que vi. Além do mais ganhar ao segundo classificado da Liga espanhola não é para todos. Penso que ficam pelo caminho por falta de experiência.

Uma palavra também para a prestação do Sporting na prova menor da Europa. LOL


Facto estatístico

As estatísticas da liga apontam que entre os Grandes - e aqui a palavra Grande ganha contornos mais pequeninos - o Sporting de Portugal é o que tem menos penaltis a favor. Aliás, tem um redondo "zero" em penaltis a favor. Quando analisamos o facto no campo das probabilidades, facilmente concluímos que este é um número muito natural. Mas eu não gosto de falar de cor, por isso vou-me apoiar nas regras de jogo. As regras dizem, não exactamente por estas palavras, que para ser assinalada grande penalidade a favor, tem de ser cometida uma infracção dentro da área adversária. Ora é aqui que reside o grande problema do Sporting no que aos penaltis a favor diz respeito, chegar à área adversária. É mais ou menos como eu ganhar a lotaria, é uma tarefa complicada quando não se compra "Cautela".



segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Sobre o momento do Sporting

Não sei se já repararam, mas este blogue ganhou umas mariquices extra. Já faz algum tempo, é verdade, mas só hoje me apetece falar do assunto. Em minha defesa, tenho a dizer que nada tenho a ver com tais paneleirices, são tudo coisas do meu colega de blogue. A tabela classificativa da Liga Zon Sagres, e o SlideShow. Sobre o primeiro, quero dar os parabéns à rabetice do meu colega, é realmente preciso ter coragem para um Sportinguista colocar uma tabela que tão pouco favorável ali ao lado, não tenho a certeza, mas cheira-me que se fosse hoje aquela tabela não estaria ali. Sobre o segundo, o SlideShow, epá, eu não é que seleciono as fotos, é o meu colega, por isso é normal ver ali gajos que vestiram o manto sagrado, ou de alguma forma ligados ao clube, que por mim, provavelmente não mereciam tal destaque. Agora, quando vejo que é o meu próprio colega, a selecionar as fotos do seu clube, e pelo meio mete o Paulinho, então está tudo dito sobre...

domingo, 2 de dezembro de 2012

Do 8 ao 80 vai a mesma distância do 80 ao 8

No recente Benfica vs Olhanense que assisti ao vivo, havia um jogador em campo cujos olhos de 3 Açorianos da ilha de São Jorge recaíram com especial atenção. Não era nenhum jogador do glorioso, aliás, dos 3 eu era o único Benfiquista. Quer dizer, até é um jogador do maior do mundo, mas que vestia as cores do Olhanense, Djaniny de seu nome, o tal miúdo que despontou aqui no clube da terra, G.D. Velense. É natural que para quem, como eu, é adepto e ex-jogador do Velense, queira ver o miúdo singrar no mundo do futebol. Do crer ao acreditar é que vai uma enorme diferença. Naquele jogo estávamos os 3 a olhar com especial atenção aos seus movimentos, não era preciso muito, pois não sei se ele chegou a estar com a bola 1 minuto nos pés. Os meus amigos com esperança que ele fosse a figura do jogo, e eu com a esperança que fosse a figura do Olhanense. Porém, nem do jogo, nem do Olhanense.

Depois do jogo, já no hotel, falamos do mesmo, e obviamente que a conversa recaiu sobre o Djanini. No bar, sentados a uma mesa, debatíamos o assunto, quando o meu colega e amigo disse, desiludido, qualquer coisa como, "epá, o porr@ do Djaniny cada bola que tocava, cada bola que perdia, não jogou um c@r@lho", "parece que corre sem vontade", isto entre outras coisas, nenhuma delas elogiosa. Óbvio que todos concordamos, mas com pena. Tivesse eu aqueles pezinhos e aquela oportunidade, e queria ser o melhor marcador da Liga de Honra, sim, da de Honra, no Benfica B. Confesso que não compreendo estes putos, e dá-me um misto de pena e raiva ver tanto talento desperdiçado. Que ele ganhe na cabeça, 1/10 do talento que transporta nos pés. 

Quando nos dirigimos ao balcão para pagar, os meus olhos fixaram um vulto, que logo identifiquei e apontei aos meus amigos, "olha o Djaniny", e era mesmo. Foi nesta altura que o meu companheiro de viagem compreendeu o porquê do mesmo vulto, e dos amigos que o acompanhavam, se terem voltado para trás e fixado a nossa mesa, quando momentos antes se desancava na jovem promessa. Na verdade não sei o que é que ele ouviu, se é que ouviu alguma coisa além do seu nome, mas se ouviu, que sirva para o acordar para a realidade do que é o futebol, onde hoje somos o herói e amanha o vilão. É que o comboio não vai esperar eternamente por ele, e pelo que vejo, já partiu. Djaniny, corre, corre com vontade que ainda vais a tempo de apanhar, quiça, a última carruagem. Fico a torcer por ti. Tenho fé.

Edit: Erro ortográfico, de fazer corar a minha professora primária, parecia o Jasus.